Lidando com novas idéias!

Inovar é, teoricamente, prioridade para a maioria das empresas. O fato é que falar sobre criatividade, inovação e desenvolvimento concede um certo status,e alimenta o ego. Mas na verdade poucas têm processos para sustentar tal movimentação, ou manter um grupo autônomo com esta tarefa.

Há estudos que relacionam o baixo tempo de existência com a tendência a seguir as emergências, em detrimento do planejado. Talvez por isso as empresas mais jovens pratiquem mais as novas idéias, recebam os seus benefícios, mas também paguem o preço do método de tentativa e erro.

A natureza humana explica isso em parte: o medo de perder é maior que a motivação de ganhar. Se a inovação é apresentada como uma ameaça a reação é com muita energia, mas se é apresentada como oportunidade a reação é bem menor.

As mentes humanas são otimizadas para reconhecer os padrões, estabelecidos pela nossa experiência individual, com uma rapidez e flexibilidade tal que qualquer fragmento de informação imediatamente é organizado em um padrão, assim somos “forçados” a ver formas familiares nas nuvens por exemplo.

Inovar é sofrido e desconfortável! Então é preciso ter boas razões para despender a energia necessária, sendo assim vamos a algumas: os consumidores estão mais refinados e por tanto exigindo cada vez mais inovações; Os concorrentes são cada vez mais capazes de identificar uma inovação, e através de engenharia reversa absorvê-la; Logo, se a inovação não for “cometida” por sua empresa o será por outra.

A rotina de uma cozinha profissional é um ambiente fértil para o desenvolvimento de novidades, especialmente pela sincronia, confiança e comunicação eficaz que compõe o serviço diário. Mas também pela natureza alquimista da profissão. O chef de cozinha é por conceito um “Eterno insatisfeito”, um perfeccionista, trabalhando com um número enorme de ingredientes e um objetivo: transformar insumos comuns em uma maravilhosa experiência para o cliente.

Por definição uma idéia criativa é um pensamento novo pelo menos no conjunto em que está sendo aplicado. Sendo assim, é preciso, e permitido, fazer “novas leituras” de pratos clássicos, ou substituir algum ingrediente importante por algo regional, ou combinar preparações já há tempos estabelecidas, produzindo resultados novos.

Combine elementos, substitua outros, exagere, reduza, inverta a ordem, mude o ponto de vista, descubra novos usos, e ouse adaptar. Tudo isso junto, ou cada um separado, não necessariamente nesta mesma ordem. Criatividade não é mágica!

Melancia quadrada!

Mas uma nota se faz importante. O clima “quente” da cozinha profissional dificulta o bom andamento do que comumente chamamos de etiqueta e protocolo. Mas se o objetivo é fomentar a criatividade é preciso uma boa dose de tolerância ao erro, empreendedorismo, visão de longo prazo, perseverança e paixão. Por mais que o ego grite que suas próprias idéias são as melhores é preciso ouvir outros pontos de vista, nem que seja para oxigenar o repertório de sacadas mirabolantes.

Seja como for é preciso sair da zona de conforto!

Há uma gama de boas histórias espalhadas na rede que poderiam ilustrar o assunto, e durante a pesquisa para escrever este post encontrei um site chamado SlideShare.net onde as pessoas compartilham suas apresentações com os outros, muito legal! Lá encontrei uma apresentação de Jorge Eitio Kazaki que me valeu muito. Ele, entre outras mil coisas, mostra a imagem de um clipe de papel comum e cria um rol de utilidades possíveis mais ou menos criativas. Foi muito esperto.

Criatividade Para O Sucesso

Ainda seguindo na linha das pesquisas, descobri um vídeo sobre o restaurante Balanceado. Fui cliente por muito tempo, lá na filial Centro… bem escondidinho…bem apertadinho…mas show de bola! Levei para lá todos os meus amigos, e recomendei a quem pude. A entrevista é sobre o conceito de nutricionistas prestando assistência enquanto você enche o seu prato no Buffet. Vale a pena ver o vídeo, e vale mais ainda conferir a dica!



Boas novas idéias!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: